Paulo Veronesi Pavesi
*08.10.1989    +21.04.2000
O Caso Pavesi deu origem a vários processos e trouxe à tona denúncias de irregularidades no esquema de transplantes de órgãos em Poços de Caldas.
Em 19 de abril de 2000, Paulo Veronesi Pavesi, então com dez anos, sofreu acidentalmente uma queda no prédio onde morava, no bairro São Benedito, em Poços de Caldas. O menino sofreu traumatismo craniano e ferimentos na face. Ele foi socorrido por uma vizinha, que o levou ao Hospital Pedro Sanches.
Os órgãos de Paulo Veronesi Pavesi foram retirados e transplantados.
Polícia Federal abriu um inquérito que apontou que o exame para constatar a morte encefálica foi feito de forma irregular. A investigação deu origem a outros inquéritos e a Santa Casa de Poços de Caldas perdeu o credenciamento para realizar transplantes de órgãos.[carece de fontes] Segundo o Ministério Público, inúmeras irregularidades cercaram o atendimento ao garoto, o que culminou em sua morte. Os médicos foram acusados de prestar o serviço médico de forma inadequada, para prejudicar a recuperação do paciente, de maneira que ele se tornasse um doador de órgãos.
A situação envolvendo a doação de órgãos de outros pacientes, atendidos pelo mesmo grupo de médicos, também deu origem a outros processos.
https://pt.wikipedia.org/wiki/Caso_Pavesi
https://www.tjmg.jus.br/portal-tjmg/casos-de-repercussao/caso-pavesi.htm#.XaH43kZKiM8
https://www.cartacapital.com.br/politica/a-dor-de-paulo-pavesi/
https://pleno.news/brasil/cidades/damares-alves-se-pronuncia-sobre-o-caso-paulo-pavesi.html

Webdesign Elizabeth Metynoski *Todos os Direitos Reservados*