Aline Guimarães

Caso encaminhado por Leh Rodrigues

Acusado de tentar matar ex com mais de 70 facadas em Taubaté vai a júri popular em setembro.

Crime completa um ano em 21 de julho. Júri foi marcado para o dia 17 de setembro. Homem está preso desde o crime.

A Justiça marcou para setembro o júri popular do homem acusado de tentar matar a ex-namorada com mais de 70 facadas em Taubaté. A audiência vai acontecer no fórum criminal de Taubaté no dia 17 de setembro.

Cleiton Duda dos Santos está preso desde o crime, que completa um ano em 21 de julho. A Justiça já havia determinado que ele fosse a júri popular em novembro de 2019, mas a data só foi marcada em na última semana, em 10 de julho.

Aline Guimarães foi agredida com mais de 70 facadas em sua casa, depois que o ex-namorado não aceitou o fim da relação. Ela tinha uma medida protetiva contra ele depois de ameaças e teve a casa invadida pelo homem.

No dia do crime, vizinhos escutaram os pedidos de socorro de Aline e acionaram a polícia. A PM flagrou Cleiton ainda na casa da vítima e teve que negociar com ele a rendição para socorrer Aline.

A vendedora passou três dias em coma e três semanas internada, mas conseguiu se recuperar das lesões. Ela teve ferimentos no abdômen, pescoço e membros.

Com Informações na íntegra G1 Vale do Paraíba

Você pode e deve ligar também para 181 ou 190

UV União de Vítimas Não solte a minha Mão!

Webdesign Elizabeth Metynoski *Todos os Direitos Reservados*